Temporada 2018
maio
s t q q s s d
<maio>
segterquaquisexsábdom
3012 3 4 5 6
7 89 10 11 12 13
14 1516 17 18 19 20
21 2223 24 25 26 27
28 293031123
45678910
jan fev mar abr
mai jun jul ago
set out nov dez
PRAÇA JÚLIO PRESTES, Nº 16
01218 020 | SÃO PAULO - SP
+55 11 3367 9500
  • Visita Monitorada
SALA SÃO PAULO É SELECIONADA COMO UMA DAS MAIS BELAS SALAS DE CONCERTO DO MUNDO
A Sala São Paulo foi mencionada em uma lista da WQXR, rádio de Nova York especializada em música clássica, que elenca sete belas salas de concerto pelo mundo. A Sala figura ao lado de reconhecidos centros musicais, como a Philharmonie de Paris (França), o Tokyo Opera City Concert Hall (Japão) e a recém inaugurada ElbPhilharmonie (Hamburgo/Alemanha).
 
Em sua descrição, o site relembra a histórica apresentação da Sinfonia da Ressurreição, de Mahler, realizada pela Osesp em 1999, por ocasião da inauguração da sala de concertos.
 
Esta não é a primeira vez que a Sala São Paulo aparece em uma lista como essa. Em 2015, o The Guardian listou as 10 das melhores salas de concerto do mundo e a casa da Osesp também foi escolhida, ao lado de salas que são referência no universo da música sinfônica, como o Boston Symphony Hall (Estados Unidos), a Berlin Philharmonie (Alemanha) e o Musikverein (Viena/Áustria).
 
Confira a lista completa da Rádio WQXR aqui.
 
FUNDAÇÃO OSESP ADERE À CAMPANHA “CULTURA GERA FUTURO”

A Fundação Osesp é uma das entidades que se comprometeram a apoiar à campanha Cultura gera Futuro, promovida pelo Ministério da Cultura (MinC). Em suas ações, o projeto pretende mobilizar toda a produtividade do setor cultural do país.

 

Um país vocacionado para as atividades criativas: esse é o Brasil retratado na campanha. Por meio de diferentes meios de comunicação, o Ministério da Cultura buscará mobilizar a sociedade em torno do tema, que apresenta a Cultura como ativo de imenso potencial: gera emprego, renda e inclusão social, e tem papel fundamental na promoção de um desenvolvimento mais justo e sustentável.

 

A campanha chama a atenção para o fato de que, além da dimensão simbólica e do impacto na constituição da identidade nacional, na formação do capital humano e no estímulo à diversidade e à tolerância, a cultura é um setor estratégico da economia de qualquer país.

 

O setor cultural e criativo tem hoje um impacto significativo na economia e grande potencial de contribuir ainda mais para o desenvolvimento socioeconômico brasileiro. As atividades criativas respondem por 2,64% do PIB do Brasil, colocando-se entre os dez maiores setores econômicos do país. Com 200 mil empresas e instituições, o setor gera cerca de um milhão de empregos diretos. Além disso, estudos apontam um crescimento médio das atividades criativas de 4,6% ao ano – mais do que o dobro da previsão de crescimento da economia brasileira.

 

Nesse contexto, os mecanismos de fomento do setor cultural, especialmente a Lei Rouanet, assumem papel estratégico não apenas como propulsores do segmento criativo, mas como instrumentos de desenvolvimento econômico do país.

Um dos grandes destaques da campanha é o site #CulturaGeraFuturo, voltado para o tema da economia criativa no Brasil, com notícias, histórias de quem faz cultura no Brasil, agenda de eventos e cursos. Lá é possível conferir o vídeo do nosso Diretor Executivo, Marcelo Lopes.

 

As pessoas também podem acompanhar a campanha por meio de perfis no Facebook, Twitter e Instagram.

DOMINGO NA SALA SÃO PAULO

Que tal assistir a um concerto gratuito no domingo? Em quase todos, às 11h, a Osesp ou orquestras parceiras realizam concertos matinais gratuitos na Sala São Paulo. Os ingressos ficam disponíveis na bilheteria do 1º subsolo ou no site da Ingresso Rápido, a partir da segunda-feira anterior ao concerto. 

 
Contudo, além da música clássica, sabia que o prédio da Sala São Paulo abriga muita história? Você pode agendar uma visita monitorada agora mesmo e descobrir muita coisa que já aconteceu por aqui! Durante o passeio, nossos guias contam a  história do edifício que abrigou a antiga estação da Estrada de Ferro Sorocabana no período áureo do café e hoje é sede da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, além de abordarem  importância da Sala São Paulo como patrimônio histórico e marco da cidade; o processo de restauro e revitalização pelo qual passou no final da década de 90; e o projeto de construção da Sala São Paulo, sua acústica, estrutura e detalhes sobre o funcionamento da sala de concertos. Para não perder a viagem, agende ou confirme sua visita antecipadamente.

 
Saiba mais sobre as visitas monitoradas e confira nossa programação completa.
CASA DA OSESP É UMA DAS DEZ SALAS DE CONCERTO SELECIONADAS ENTRE AS MELHORES DO MUNDO

O jornal britânico The Guardian publicou uma matéria elegendo dez salas de concerto entre as melhores ao redor do mundo, na qual destaca as qualidades acústicas de cada local. O especialista Trevor Cox, professor de engenharia acústica na Universidade de Salford e autor do livro Sonic Wonderland: A Scientific Odissey of Sound, incluiu a Sala São Paulo nessa lista, ao lado de importantes salas, como a Berlin Philharmonie, a Philharmonie de Paris, a Tokyo Opera City Concert Hall e a Grosser Musikvereinssaal, de Viena.


Ele destaca o desafio que foi construir a Sala São Paulo em uma área que era anteriormente o pátio ao ar livre de uma estação de trem; elogia a beleza da sua arquitetura, que aproveita as enormes colunas originais da antiga Estação Júlio Prestes; e explica as características do teto móvel, que permite que a acústica de cada concerto seja ajustada conforme o repertório a ser apresentado.
 
Leia a matéria completa
Saiba mais sobre Trevor Cox
Saiba mais sobre a Sala São Paulo

SALA SÃO PAULO NO STREET VIEW DO GOOGLE MAPS
Faça uma visita virtual dentro da Sala São Paulo e conheça  um pouco mais sobre os ambientes que fazem parte do  Complexo Cultural Júlio Prestes.

A plataforma do Google Maps  disponibiliza  imagens  capturadas do  interior da Sala São  Paulo através da   ferramenta Google Street  View. Além da  Sala de Concertos,  a visita  permite   conhecer também o Boulevard, o Salão dos  Arcos, o Hall, o Foyer e a Estação das Artes.

Clique e visite o interior da Sala São Paulo.

O Google Maps é uma ferramenta gratuita, que permite a visualização de fotografias capturadas das ruas de cidades do mundo. Recentemente o Google Maps começou a capturar imagens internas de áreas de interesse turístico e cultural.